IES têm até 19 de outubro para se manifestarem sobre a classificação de cursos.

04As Instituições de Educação Superior (IES) devem se manifestar sobre a revisão e atualização da classificação dos cursos de graduação e sequenciais de formação específica até 19 de outubro. A análise da classificação é extremamente importante para a realização de estudos e publicações compatíveis com parâmetros internacionais. A manifestação deverá ser realizada pelo Procurador Educacional Institucional da IES em conjunto com os Coordenadores de Cursos, por meio do Sistema Enade. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou dois documentos para guiar o processo: o Manual Preliminar para a Classificação dos Cursos – Cine Brasil 2018 e o Manifestação Passo a Passo.

A classificação será utilizada para a disseminação das estatísticas da educação superior, para a definição dos cursos a serem avaliados no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), para a designação da comissão de avaliação in loco dos cursos de graduação e servirá como referência de classificação dos cursos por meio do Sistema e-MEC. Também permitirá comparações de estatísticas educacionais entre países por parte de organizações internacionais. O trabalho foi desenvolvido pelo Inep, por meio da Diretoria de Estatísticas Educacionais (DEED), em parceria com a Diretoria de Avaliação de Educação Superior (DAES), com a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do Ministério da Educação (SERES/MEC) e com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Cine Brasil – A Classificação Internacional Normalizada da Educação Adaptada para Cursos de Graduação e Sequenciais de Formação Específica (Cine Brasil) é uma adaptação do Inep a partir daInternational Standard Classification of Education (Isced), da Unesco, e visa oferecer dados estatísticos educacionais que possibilitem a realização de estudos e publicações comparáveis internacionalmente. A Cine Brasil 2018, atualização da Cine Brasil 2000, compreende onze áreas gerais de formação que tomam como base as áreas de conhecimento: Programas básicos; Educação; Artes e humanidades; Ciências sociais, jornalismo e informação; Negócios, administração e direito; Ciências naturais, matemática e estatística; Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC); Engenharia, produção e construção; Agricultura, silvicultura, pesca e veterinária; Saúde e bem-estar; e Serviços.

Dúvidas podem ser tratadas pelo e-mail para classifica.curso@inep.gov.br ou pelos telefones (61) 2022-3118 / 3128 / 3130

Para ler a matéria na integra, favor acessa:   

http://portal.inep.gov.br/artigo/-/asset_publisher/B4AQV9zFY7Bv/content/id/1520936

© 2013 - 2018 AFEESMIG. Todos os direitos reservados.